Sustentabilidade

Conheça o tecido ecológico feito com casca de laranja

tecido ecológico

Quando ouvimos a pergunta: “Do que é feito um tecido?”, logo pensamos em respostas que envolvam algodão, lã e malha sintética. Porém, se alguém te falasse que ele pode ser feito de casca de laranja, você acreditaria?

O projeto italiano Orange Fiber fabrica tecido ecológico a partir de resíduos de laranja, como bagaço, casca e sementes. Confira, a seguir, como esse projeto surgiu e como é feita a transformação de resíduos de laranja em tecido.

Moda e meio ambiente

A moda é uma das indústrias que mais polui o meio ambiente. Por contas dos processos químicos, água com toxinas são despejadas em rios. Além disso, retalhos de roupas acabam tendo um descarte incorreto por inúmeras fábricas.

Sem contar que essa indústria ainda utiliza de mão de obra escrava para produzir roupas a um baixo custo. É só assistir ao documentário True Cost para ver que não há nada de bonito nas fábricas de algumas grandes marcas da moda.

Mas voltando o foco para o meio ambiente, há muito ainda a ser feito para que a indústria da moda diminua sua poluição e comece a praticar processos mais sustentáveis na fabricação das roupas. Porém, algumas pessoas já estão agindo de forma diferente. Este é o caso das italianas, Enrica Arena e Adriana Santanocito.

Elas criaram um projeto em que utiliza cascas de laranjas para fabricação de roupas ecológicas. O produto final tem textura semelhante à seda e, por conta da nanotecnologia, é hidratante.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Orange Fiber (@orangefiberbrand) em

Leia mais: 3 Filmes para (re)pensar nossa ecologia

Projeto Orange Fiber

O projeto Orange Fiber surgiu em 2014, quando Enrica e Adriana estavam morando em Milão. Adriana é designer com especialização em Materiais Inovadores e Enrica é formada em Comunicação e Relações Internacionais. Elas são da Sicília, mas se conheceram e moram juntas em Milão.

Eis que Adriana teve a ideia de produzir tecido a partir das cascas de laranja, já que na Sicília, como em outras províncias da Itália, há grande produção de laranja para fazer suco. Assim, as cascas, bagaços e sementes são descartadas, gerando muito resíduo orgânico.

Para produzir o tecido com as cascas, bagaço e sementes de laranja foi feito uma parceria com o Instituto Politécnico de Milão. Assim, esses resíduos recebem reagentes químicos que possibilitam a extração da fibra de celulose. Por último, as fibras são transformadas em fios.

Pensando em uma forma de melhorar o tecido ecológico, as idealistas do projeto utilizaram a nanotecnologia a seu favor. Em parceria com uma indústria cosmética, são fixadas no tecido microcápsulas com substâncias derivadas das frutas cítricas. Elas têm a função de hidratar a pele e duram até 10 lavagens.

Moda feita a partir de laranjas

Grife italiana quer revolucionar mundo da moda com roupas sustentáveis: feitas a partir de casca de laranja.

Slået op af DW Brasil i Onsdag den 26. juli 2017

Leia mais: Aprenda como tingir tecidos e fibras naturais utilizando plantas

O tecido ecológico de casca de laranja e o mundo

Em 2014, assim que o projeto deu certo, ele foi divulgado para o mundo. Assim, as italianas conquistaram alguns prêmios e participaram de eventos.

Já em 2017, a grife Salvatore Ferragamo criou uma coleção em parceria com a Fiber Orange. Fazendo com que esse projeto voltasse a ficar conhecido. A coleção utilizou o tecido ecológico e foram criadas lindas peças, como calças, vestidos e camisas, com estampas que lembram a natureza.

tecido ecológico
Fonte: Orange Fiber

Além deste projeto que reutiliza resíduos orgânicos para a fabricação de tecidos, há outros projetos que fazem o mesmo mas com materiais diferentes, como cogumelos, folhas de abacaxi e bagaço da uva.

Se você não tem como comprar roupas feitas a partir de tecidos ecológicos, pode contribuir com o meio ambiente de outra forma, como comprar em brechó e customizar suas roupas velhas. O importante é se conscientizar do impacto que uma única calça jeans pode fazer no meio ambiente e assim, viver de forma a diminuir esses impactos.

Charlene Peruchi
escrito por:Charlene Peruchi
Uma sonhadora, que acredita num mundo melhor e nos seres humanos vivendo em harmonia com a Natureza. Amante da fotografia, do artesanato e de músicas incomuns, diz que não viveria por muito tempo sem a arte na sua vida. Em resumo, é um ser complexo que gosta da vida simples.

Deixe um comentário