Brahma Kumaris

ReflexõesSaúdeVida Natural

Escrita meditativa – A fala orgânica, criativa e silenciosa da alma

escrita meditativa
visualizações
23450

Quando muito pequenos, ficamos intrigados com os desenhos que enxergamos no mundo. As placas, as cores. A comunicação nos chega bem cedo e não é raro notar que as crianças sabem nomes de marcas e produtos sem mesmo terem aprendido a ler. Temos dentro desse processo, a vontade de aprender a escrever e a família começa então, na maioria das vezes, a nos conduzir rumo aos primeiros traçados de uma letra de forma. Aí vem a escola e nos apresenta a letra cursiva. Tamanha é a alegria quando conseguimos escrever nosso próprio nome e depois outras palavras. Reparem que aprendemos a escrever primeiro sobre o que gostamos. Escrevemos justamente o nome daquilo que mais temos por perto e  que apreciamos por meio do amor.