SaúdeVida Natural

Os efeitos da meditação na saúde humana

1

A meditação pode fazer muito mais do que as pessoas acreditam e pode ser incorporada na vida de qualquer pessoa. Praticar meditação regularmente traz vantagens, cientificamente comprovadas, para a saúde, especialmente para o cérebro. Isso é o que diz o Dr. Rafael Reinehr em sua palestra “Os efeitos da meditação na saúde humana”. Os estudos mostram que a meditação pode: reduzir a ansiedade, a sensibilidade à dor, nos tornar mais espertos, afastar doenças e prevenir o estresse.

Muitas pessoas pensam que meditar é apenas ficar sentado em uma almofada por uma hora. A meditação depende do contexto em que é aplicada e existem diversas maneiras alternativas de obter os benefícios da meditação. Por exemplo, para um religioso, pode estar ligada à busca pela iluminação ou transcendência. Para um cientista, pode ser a busca pela melhoria das condições de saúde, qualidade de vida e bem-estar. Para um atleta, artista ou profissional, pode ser a ferramenta que irá garantir aperfeiçoamento no seu esporte, arte ou trabalho.

No e-book gratuito 10 formas não convencionais para meditar todos os dias o Dr. Rafael Reinehr mostra maneiras alternativas de praticar a meditação como por exemplo: meditação em pé, meditação caminhando, meditação dançando, meditação contemplativa e recomenda que você teste cada uma delas para verificar qual se adapta mais ao seu estilo. Tendo escolhido uma das maneiras, o próximo passo é incorporar esse estado de consciência desperta à sua rotina diária.

“Se todas as crianças de oito anos aprenderem meditação, nós eliminaremos a violência do mundo dentro de uma geração.” Dalai Lama

Para te ajudar a adquirir o hábito de meditar você pode usar um dos aplicativos que recomendamos no post “Conheça 17 aplicativos para uma vida mais saudável, alegre e organizada“.

Benefícios da Meditação

Na palestra “Os efeitos da meditação na saúde humana” o Dr. Rafael Reinehr comentou que milhares de estudos científicos já foram conduzidos etiveram os efeitos da meditação demonstrados. Abaixo estão relacionados alguns dos principais benefícios que a meditação pode nos trazer:

  • Quatro dias de meditação reduzem significativamente tanto a intensidade quanto o desconforto percebido da dor;
  • Aumenta o autocontrole e a força de vontade para enfrentar mudanças de hábito duradouras, como perder peso ou eliminar vícios;
  • Previne atrofia e degeneração cerebral, como doenças como Alzheimer;
  • Reduz significativamente a reatividade, ansiedade, estresse e depressão;
  • Reduz o uso de analgésicos, ansiolíticos ou antidepressivos e consequentemente reduz os efeitos adversos desses medicamentos;
  • Aumenta a clareza de pensamento e capacidade de absorção e retenção de conteúdo, sendo ideal para ser praticada antes de iniciar algum estudo;
  • Aumenta a compaixão, propiciando relações interpessoais mais ricas e aumento da conectividade social, com o benefício individual e social de se tornar uma pessoa mais atenta a si mesmo e aos outros;
  • Cessa o uso de calmantes para dormir (benzodiazepínicos) em mulheres com dependência;
  • Reduz em até 43% as visitas a médicos, realização de exames laboratoriais e de imagem, procedimentos médicos e visitas à Emergência.

meditação

Leia mais: Medicina tradicional chinesa – conhecimentos ancestrais bem atuais

Saiba mais sobre a palestra

A palestra gratuita “Os efeitos da meditação na saúde humana” é uma palestra itinerante que já passou por várias cidades do Brasil incentivando centenas de pessoas a incorporarem a meditação em sua rotina diária. Para saber mais informações sobre as próximas palestras envie um WhatsApp para (48) 9 9177-0776.

Para quem quiser se aprofundar nesse assunto, é possível obter mais informações no portal Medictando, um portal de Educação em Saúde, Qualidade de Vida, Bem-estar e Felicidadee também através do curso online Desafio da Meditação em 21 Dias. Neste curso de 3 semanas o Dr. Rafael Reinehr ensina desde o básico até a integração da meditação da rotina diária. Na primeira semana ele ensina como sentar, respirar, como resolver as “escapadas” que nossa mente dá durante a prática meditativa, como imergir em nós mesmos para colher os benefícios futuros. Na segunda semana ele ensina a controlar as nossas emoções, a não nos estressarmos, a ativar nossa criatividade e nos tornarmos mais conectados e compassivos. Por fim, na terceira semana ensina a estar presente no Aqui e Agora, a ampliar nossa atenção, força de vontade, autocontrole, a manter nosso cérebro jovem, a controlar nossa dor e a integrar a prática da Meditação ao nosso dia a dia.

Você já tem o hábito de meditar? Conte para a gente os benefícios que essa prática te proporcionou 🙂

Natalie Andreoli
escrito por:Natalie Andreoli
Sou paulistana e desde 2009 decidi me mudar para a ilha da Magia (Florianópolis, SC), pois sentia falta do contato com a natureza. Sou neta de italianos e aprendi desde pequena a gostar de mexer na terra e cuidar das plantas, quando ajudava meu pai com a hortinha dele. Sou bióloga MSc., educadora ambiental e aromaterapeuta. Adoro aprender e compartilhar assuntos que proporcionem uma vida em melhor harmonia consigo mesmo, com os outros seres e com o planeta.

Deixe um comentário