AlimentacãoReceitas

Torta vegana de doce de batata doce

blog-25

Festa juninas chegando e que tal aprender a fazer uma deliciosa torta vegana de doce de batata doce para levar às festinhas. Assim, não é preciso se preocupar em saber quais doces contém ou não alimentos de origem animal. Sem falar que essa torta é muito saborosa e possui três texturas de dar água na boa.

Uma receita simples e saborosa para compor sua mesa e reunir os amigos !

Receita para 06 pedaços grandes

Comecemos com o recheio:

Ingredientes:

  • 1 batata doce média ou 2 pequenas;
  • 2 colheres (sopa) de açúcar mascavo;
  • 1 colher (sopa) de açúcar demerara;
  • 1 colher (chá) de canela;
  • 01 copo americano de água

Atenção: A quantidade de batata doce sempre depende do tamanho da torta. Não se trata de uma torta alta. Lembra bem uma cuca.

Modo de fazer

Bata a batata doce com casca e tudo. Não esqueça de higienizar bem a casca da batata.

Deixe meio grosseiro, com pedaços miúdos.

Numa panela coloque duas colheres de sopa de açúcar mascavo e uma de açúcar demerara.

Junte uma colher de chá de canela e o copo de água.

Leve ao fogo baixo até ficar um doce cremoso, mesmo que com pedacinhos.

Vá colocando água para não grudar, durante o cozimento, caso sinta necessidade.

A textura lembra doce de abóbora!

torta vegana

Leia mais: Aprenda a fazer corantes comestíveis naturais com frutas e verduras

E a massa?

Ingredientes:

  • 150g de farinha de trigo integral;
  • 150g de farinha de trigo comum (só a integral deixa a massa mais pesada);
  • Vale usar a criatividade: usar farinha de arroz com aveia ou farinha de grão de bico com farinha de linhaça;
  • 3/4 de xícara de açúcar demerara;
  • 1/2 xícara de óleo (fica muito boa com óleo de coco, mas também com óleo de soja ou girassol);
  • 1 colher (sopa) rasa de fermento;
  • Suco de 01 laranja.

Montagem

Peneire os ingredientes secos, juntos. Coloque o óleo e o suco. Integre bem os ingredientes. Sove diretamente com as mãos (fica uma massa que não gruda nas mãos e dá para ir abrindo na forma).

Coloque uma colher de sopa rasa de fermento e integre à massa. Sove novamente.

Forre a assadeira untada com óleo. Fundo e laterais!

Coloque o doce de batata doce. Espalhe bem, para que fique uniforme.

Leia mais: Aprenda a fazer homus, uma pasta árabe de grão de bico

A farofa que vai por cima é fundamental !

Ingredientes:

  • 1/2 xícara de farinha de trigo;
  • 1/2 xícara de açúcar demerara;
  • 02 colheres de sopa de óleo;
  • Suco de meio limão.

Modo de fazer

Mexa tudo e com as mãos vá mexendo. Deve ficar como uma areia mais firme que quando aperta com as mãos fica firme.

Espalhe por cima.

Assar no forno elétrico até ver que a massa e a farofa estejam douradinhas.

Dá para fazer no forno comum. Em média, 40 a 45 minutos assa bem.

Considerações: Você experimenta três texturas incríveis entre a farofa e a massa. Não é muito doce, portanto muitos pedaços são saboreados!

Mais receitas como essa?  Você encontra no Veganices da Val.

Fotos: Arquivo Veganices da Val, no Facebook.

Valeria Amores
escrito por:Valeria Amores
Val é de Santos, gosta do nascer e do entardecer alaranjado que o céu do litoral concede quase todo dia! Pedagoga, apaixonada por projetos sociais e por movimentos que incluam o uso de todo potencial criativo, ou seja, toda ideia é uma semente cheia de valores. Toda ideia é flor e fruto. Toda ideia alimenta e nutre algo. Vegana , mãe de duas almas lindas, pratica meditação Raja Yoga, voluntária e aluna nas atividades da Brahma Kumaris Brasil . Estuda gestão ambiental, cozinha bastante, cria receitas veganas, compartilha, ensina. Tem 37 anos e acredita no poder da ecologia e da sustentabilidade interna como motivadores para um mundo melhor. Comunicativa, silenciosa e também faladeira, risonha , gosta de escrever e papear sobre coisa elevadas e positivas. Adora desconstruir limites que nos prendem a gravidade e ao peso, acredita na psicologia positiva sempre e tanto, o quanto for possível e necessário. Vamos voar para as possibilidade de melhoria, que tá na hora!

Deixe um comentário