SaúdeVida Natural

Saiba quais são os benefícios do canabidiol para a sua saúde

canabidiol

Muito se fala sobre a liberação da maconha e do seu uso medicinal. Mas você sabe como ela pode ser utilizada a favor da saúde? Há muitas substâncias presentes na cannabis, entre elas encontramos o canabidiol.

A seguir, veremos mais a respeito do canabidiol, como ele pode se utilizado e quais os seus benefícios para a nossa saúde. Confira!

O que é o canabidiol?

O canabidiol (CBD) é uma das substâncias presentes na Cannabis Sativa. Aliás, é importante destacar aqui que há mais de uma espécie de maconha: a Cannabis Sativa, a Cannabis Indica e a Cannabis Ruderalis.

O CBD atua no sistema endocanabinoide, que está envolvido em processos fisiológicos, como controle da dor, do humor, do apetite e da memória. Nosso corpo produz endocanabinoides, porém o CDB é chamado de exocanabinoide, por ser algo que não é fabricado pelo organismo, mas que atua no mesmo sistema que os que endocanabinoides.

O canabidiol produz alguns efeitos ao entrar em contato com o sistema endocanabinoide, como relaxamento muscular, redução da pressão intraocular, ansiolítico e ação anticonvulsivante, por exemplo.

Leia mais: As possibilidades sustentáveis do cultivo de cannabis

Qual é a diferença entre canabidiol e THC?

Se o canabidiol vem da maconha, ao ingerí-lo ele pode “dar barato”, certo? Errado. O canabidiol não é a mesma substância que provoca os efeitos psicoativos.

Já o canabinoide delta-9-tetrahidrocanabinol, conhecido também como THC, é quem tem efeito psicoativo e dá barato. Ele é encontrado tanto na espécie Sativa como Indica.

O CBD é um óleo extraído da maconha. Assim, não traz consigo o THC. Dessa forma o canabidiol pode ser utilizado sem medo de que a pessoa tenha efeito psicoativo.

canabidiol

Quais são os benefícios do canabidiol?

O canabidiol proporciona diversos benefícios para a saúde. Além disso, ele pode ser utilizado no tratamento de doenças. Confira, a seguir, alguns dos seus benefícios:

  • reduz a ansiedade;
  • alivia dor, inflamação e náusea;
  • tem efeito antipsicótico;
  • auxilia a saúde cardiovascular;
  • tem ação anticonvulsivante;
  • estimula o apetite;
  • proporciona relaxamento muscular.

Diante desses benefícios, é possível utilizar o CBD no tratamento de algumas doenças.

Leia mais: Um papo e mais 5 documentários para saber mais sobre maconha

Quais doenças podem ser tratadas com o canabidiol?

A seguir, há algumas doenças que podem ser tratadas com o CBD:

Epilepsia

Ao utilizar o CBD, há diminuição na frequência e intensidade das crises convulsivas. Aliás, o THC também pode auxiliar nessa doença. Porém, por precisar ser utilizado em doses altas e por provocar o efeito psicoativo, não é recomendado.

Fibromialgia

A fibromialgia provoca dores por todos os tecidos fibrosos do corpo. Para tratá-la, a medicina convencional utiliza de corticóides, anti-inflamatórios e opioides. Porém, esses medicamentos podem provocar efeitos adversos, chegando a ocasionar dependência química.

Uma solução é utilizar o canabidiol para reduzir as dores de maneira efetiva, sem causar dependência e sem provocar outros efeitos.

Esclerose múltipla

A esclerose múltipla ataca a medula e o sistema nervoso central. Ela não tem cura e não há como preveni-la. Sendo assim, o CBD pode ser utilizado para atenuar os sintomas, que incluem: transtorno cognitivo e emocional, rigidez de membros, perda de equilíbrio, dor, perda da visão, entre outros.

Doença de Crohn

A Doença de Crohn é crônica e afeta uma parte do intestino delgado e do intestino grosso. Ela causa um efeito inflamatório desses órgãos. Como o canabidiol tem efeito anti-inflamatório, ele pode ser usado para reduzir a situação desse quadro.

Esquizofrenia

Estudos mostram que o THC aumenta as chances do desenvolvimento da esquizofrenia. Porém, o CBD reduz e atenua os sintomas da doença.

canabidiol

Leia mais: Técnica utiliza cannabis e cal para criar lindas bioconstruções

Como utilizar e onde comprar o canabidiol?

Falamos sobre o que é o canabidiol, quais seus benefícios e em quais doenças que ele é indicado. Sendo assim, agora veremos como ele pode ser utilizado e também como comprar.

Não há ainda um consenso sobre qual é a melhor forma de utilizar o CBD. Sendo assim, ele pode ser fumado, tomado em comprimidos, vaporizado ou aplicado em forma de gota (já que ele é um óleo) embaixo da língua.

Para saber qual é o melhor método para cada caso, juntamente com a dose a ser tomada é necessário consultar um médico. No Brasil, já tem médicos que receitam o CBD para determinados tipos de doenças.

Porém, não há canabidiol disponível em laboratórios ou farmácias no Brasil. Sendo assim, segundo a legislação brasileira, é necessário passar por um consulta médica, ter uma receita assinada pelo médico, preencher um formulário da ANVISA para depois solicitar a importação do medicamento.

Apesar de ser muito burocrático ainda, já há famílias beneficiadas pelo CBD, que o importam e o utilizam no tratamento de doenças.

É preciso conscientizar as pessoas que ainda veem a maconha como uma planta proibida, que ela tem substâncias, como o canabidiol, que proporcionam melhoras em quadros de saúde e qualidade de vida para pessoas que sofrem com epilepsia, por exemplo.

Charlene Peruchi
escrito por:Charlene Peruchi
Uma sonhadora, que acredita num mundo melhor e nos seres humanos vivendo em harmonia com a Natureza. Amante da fotografia, do artesanato e de músicas incomuns, diz que não viveria por muito tempo sem a arte na sua vida. Em resumo, é um ser complexo que gosta da vida simples.

Deixe um comentário