AlimentacãoReceitasVida Natural

Aprenda a fazer corantes comestíveis naturais com frutas e verduras

4

Os corantes sintéticos que são utilizados em bolos, drinks e outras receitas possuem muitas substâncias que nem sempre são benéficas para a nossa saúde. Por isso, hoje vamos ensinar como fazer corantes comestíveis naturais a partir de frutas, verduras e legumes.

Esses ingredientes você pode ter na sua geladeira ou ir na feira comprar, pois são fáceis de se obter. Vamos ensinar a fazer 6 cores diferentes: amarelo, verde, vermelho, roxo, laranja e azul. E todas elas vão poder se usadas em bolos, coberturas, bolachas, entre outras receitas.

Confira abaixo o passo a passo:

Corante vermelho, amarelo e roxo

Vamos começar com os corantes que são feitos com frutas. Para isso você vai precisar de um liquidificador ou processador de alimentos e framboesa, manga(picada e descascada) e amora. Triture uma de cada vez e depois peneire o suco para remover as fibras e sementes.

corante natural

Leia mais: Aprenda a fazer bolinhos de cúrcuma que combatem a inflamação

Corante verde e laranja

Para fazer essas duas cores de corante vai ser preciso uma máquina de fazer suco ou um liquidificador, além de cenoura picada(não precisa descascar) e folhas de espinafre. Se for fazer na máquina de suco é só colocar os ingredientes, um de cada vez, e triturar. Caso for fazer no liquidificador acrescente meio copo de água e triture. Depois é só coar em uma peneira bem fininha para remover as fibras.

Corante azul

Para fazer o corante azul pegue meio repolho roxo e pique em pedaço médios. Coloque-os numa panela e cubra parcialmente com água. Deixe cozinhando em fogo médio por 10 minutos. Antes de desligar o fogo verifique se a água está bem roxa, se estiver pode desligar se não deixe cozinhando por mais um pouco. Agora passe somente a água para um pote e acrescente menos de meia colher(de café) de bicarbonato de sódio e misture.

O suco do repolho roxo é um indicador de pH, então quando ele entra em contato com outro ingrediente de pH diferente ele reage mudando de cor. Como o bicarbonato de sódio neutraliza ácido, ele deixa o suco de repolho roxo azul. Temos agora um corante natural azul.

repolho roxo

Leia mais: Aprenda como fazer um delicioso refrigerante com flores de violeta

Como deixar os corantes apropriados para qualquer tipo de receita

Com os corantes prontos é hora de reduzir cada um para que possam ser utilizados em qualquer receita, tanto as que levam líquido como as que não levam.

Pegue uma panela e coloque o corante vermelho. Leve ao fogo e cozinhe em fogo médio, sempre mexendo o corante. Quando ele estiver bem grosso, retire a panela do fogo e coloque o corante em um pote de vidro, preferencialmente. Repita o mesmo processo para os outros corantes.

O corante reduzido é indicado para receitas em que você não quer ou não pode acrescentar mais líquidos. Ou seja, em coberturas de bolo, bolos e outras receitas.

corante concentrado

Mas caso prefira deixá-lo em sua forma líquida, sem passar por esse processo de redução, também é possível. Dessa forma, você pode substituir parte do líquido das receitas pelo corante. E não é preciso usar muito para deixar o bolo ou a cobertura colorida. Ainda mais quando for concentrado. Coloque um colher se for líquido e uma colher de sobremesa se for concentrado, mas se achou que ficou a cor um pouco fraca, acrescente um pouco mais.

Como armazenar os corantes

Uma dica para quando fizer os corantes é não fazer em grandes quantidades, só se for fazer muitos bolos coloridos. Para guardá-los, coloque-os em forminhas de gelo e leve para o congelador. Mas lembre-se que quando precisar usar, é necessário descongelar antes.

armazenamento

Dicas:

1. Não é necessário fazer todas as cores. Pois ao misturar duas cores você pode obter uma terceira. Então vamos a uma pequena aula de mistura de cores primárias:

  • vermelho + amarelo = laranja;
  • vermelho + azul = roxo;
  • azul + amarelo = verde.

Sendo assim, com apenas os corantes vermelho, amarelo e azul é possível fazer as outras cores.

2. Não se preocupe, as suas receitas não ficarão com gosto dos ingredientes utilizados para fazer os corantes.

Exemplos de como usar os corantes naturais:

Agora é com você, cuide da sua saúde e substitua os corantes artificiais pelos naturais.

 

Charlene Peruchi
escrito por:Charlene Peruchi
Uma sonhadora, que acredita num mundo melhor e nos seres humanos vivendo em harmonia com a Natureza. Amante da fotografia, do artesanato e de músicas incomuns, diz que não viveria por muito tempo sem a arte na sua vida. Vegetariana por amor ao próximo e praticante de Yoga por amor a si. Em resumo, é um ser complexo que gosta da vida simples.

Deixe um comentário