Entretenimento

Um projeto inusitado pode converter pessoas em árvores

1

O ciclo da vida é tema que mobiliza filósofos, religiosos e cientistas e, mesmo sendo um fim inevitável para todos e um evento cotidiano natural, a morte é ainda um tema controverso e assustador, pois muitas são as especulações sobre o assunto, mas nunca passam disso, vagas suposições. Particularmente, como cientistas e desde sempre razoáveis, sempre nos agradou a ideia de fazer parte do jogo da vida, alimentando um ciclo natural e no final dessa nossa existência consciente, ainda existiremos na natureza ao nosso redor, mais presentes ainda que uma historia a ser contada.

A ideia do “ciclo da vida” agrada muitas pessoas independentemente da fé. Em poucas palavras, é vida se transformando em vida — a morte fica em segundo plano.

O projeto italiano The Capsula Mundi é uma representação perfeita desse conceito.

Desenvolvido pelos designers Anna Citelli e Raoul Bretzel, o projeto consiste em uma cápsula orgânica e biodegradável que é capaz de transformar um corpo em decomposição em nutrientes para uma árvore.

Primeiro, o corpo do falecido é colocado dentro da cápsula e então enterrado. Depois é plantado uma árvore ou uma semente por cima para aproveitar a matéria orgânica.

O projeto veio da ideia de criar uma alternativa ecologicamente sustentável para caixões

Cada cliente pode escolher sua árvore favorita.

cax1

É a transformação do cemitério…

cax2

… em uma floresta de memórias!

cax6

Isso sem derrubar árvores para produzir caixões…cax4

… mas plantando vários tipos para gerar mais vida.

cax5

O projeto é ousado e mexe em tradições seculares, por isso ainda não foi colocado em prática. A Itália tem leis restritas sobre enterros.

O que você acha de ser enterrado e dar vida a uma árvore?

Fonte: Awebic e Capsula Mundi

Print Friendly
Jardim do Mundo
escrito por:Jardim do Mundo
Normal ou não, um clichê da sociedade contemporânea ou um casal unido por amor, afinidades e desafinidades, que transforma arte e ciências em pequenos projetos domésticos. Criar um jardim onde antes não se imaginava poder, provar de inúmeras receitas que são também oportunidades, utilizar e reutilizar ao máximo, aprender e aplicar princípios que projetam um estilo de vida mais simples e otimista, acreditando que podemos fazer algo de bom ou de belo enquanto fazemos algo para nós e não apenas para nós.

Deixe uma resposta

Junte-se a nós! Receba inspirações para uma vida mais leve no seu email.

Siga-nos

%d blogueiros gostam disto: