Jardim do Mundo
menu
Jardim do Mundo
EntretenimentoMúsicaViagem

Psicodália: um dos festivais mais esperados do ano!

12339488_985840138172035_6022526017547980696_o

Faltando menos de 3 meses para o melhor festival de Santa Catarina que acontece durante o carnaval, o Psicodália já está deixando muita gente ansiosa. Nessa 20ª edição já temos confirmados algumas atrações musicais, dentre eles: Ney Matogrosso (para minha imensa alegria!!!), Perotá Chingó, Céu, Di Melo + Trombone de Frutas, Metá Metá, Casa das Máquinas, Liniker e os Caramelows, Erasmo Carlos, entre muitos outros grandes músicos. Mas isso são só as atrações musicais, o festival ainda oferece oficinas, cinema, teatro e recreação para as crianças.

O Psicodália acontece na Fazenda Evaristo em Rio Negrinho, município ao Norte de Santa Catarina. A 20ª edição será entre 24/02 e realizado é enorme e com uma área suficiente para abrigar todos que forem ao Psicodália. No decorrer desses 20 anos de festival, muita coisa melhorou na infra-estrutura e em espaço. Vamos os pontos fortes do festival:

1 – Ocorre numa fazenda

Nem tão perto e nem tão longe da cidade, essa é a localização do festival. Em meio à natureza, entre árvores, araucárias, campos gramados, lagoa e cachoeira. Agora me diz, tem coisa melhor do que passar o carnaval acampando em um lugar assim? Sair daquela confusão e barulho que se torna a cidade no Carnaval? Até possa ter, mas não com todas as outras coisas incluídas no pacote do Psicodália, já que ele é um festival multicultural.

2 – Palcos

Quem foi em algum Dália anterior sabe que rola música o dia inteiro! Então nada mais normal do que ter vários palcos. E ainda acontece de você estar andando pelo festival e músicos itinerantes passarem por você animando todo o pessoal que estiver ao redor. Digo isso por experiência própria ao ver a Trombone de Frutas com seus instrumentos juntando o pessoal e fazendo um pocket show itinerante.

Com mais de 50 atrações musicais não tem como não ter mais de um palco. O festival conta com 3 palcos – isso mesmo, 3 palcos! – sendo eles: Solar, Lunar e Guerreiros, mais o palco do Teatro e mais um palco livre, em que quem é músico pode se inscrever durante o festival e fazer uma palinha.

3- Comida! Comida!

Se você não quer gastar muito com comida e tem como levar panelas, comidas para cozinhar, temperos e tudo o mais que precisar, o festival lhe oferece uma cozinha comunitária. É só chegar e cozinhar! Ou então, se você puder levar fogareiro pode cozinhar na sua própria barraca.

Mas se você não puder levar nada o festival conta com uma área de alimentação com lanches, refeições mais reforçadas e com opções vegetarianas e veganas.

Festivais multiculturais para quem não gosta de Carnaval

4 – Onde acampar?

Bom, a fazenda oferece um espaço enorme para camping, que são divididos em 5 áreas, e todos ao redor da área central, onde se encontra os palcos, área de alimentação e lojinhas. Em todo esses espaços se encontram banheiros com equipe de limpeza, boa iluminação e segurança 24h.

E para quem vai de carro, há estacionamento. Mas adianto que é bom chegar cedo, pois não se sabe quantas pessoas vão de carro também. Porém, a maioria vai de excursão ou juntam-se em um carro para dividir os custos da viagem.

Mas o importante é que levem barraca, uma boa coberta ou saco de dormir (o lugar fica em cima da serra, pode ser frio a noite), e os itens básicos de higiene. Mas se esquecer de levar algo, pode passar no mercadinho do festival e comprar o que precisa. Ah! E fique de olho na previsão para os dias do festival, pois dependendo do tempo precisará levar, ainda, botas, capa de chuva e lonas para a barraca.

5 – Quero uma camiseta do Psicodália!

Se você quiser comprar alguma lembrança do Dália ou mesmo um copo – item essencial, já que não é usado copos descartáveis no evento pela questão ambiental – é só passar no Bazar. Nele também você consegue comprar cds das bandas que se apresentaram no festival, camisetas e bolsas com estampas exclusivas do festival, canecas e muitas outras coisitas.

Psicodália – vivendo um Carnaval alternativo

Bom, no geral é isso que temos no Psicodália em questão de infraestrutura. Agora vamos falar um pouco sobre o que fazer no festival além de, conhecer novas pessoas, ir a shows, tomar banho na lagoa, fazer a trilha da cachoeira e descer na tirolesa. Além de todas coisas lindas a se fazer, temos oficinas, teatro, cinema e recreação.

Oficinas: estas que podem ser sobre várias coisas como, mandalas, Yoga, fotografia, desenho e instrumentos de bambu. Para participar das oficinas é necessário passar um dia antes dela acontecer, ou umas horas antes (quanto mais deixar para cima da hora menos são as chances de ter vagas), na casinha onde acontece as inscrições e se inscrever, pois as oficinas têm vagas limitadas.

Teatro e cinema: Com horários já estabelecidos para os filmes e peças teatrais, é só ficar ligado na plaquinha de horário em frente de cada espaço. Não tem limite para espectadores. E algumas peças de teatro já estão confirmadas, são elas: Vulcanióticos, Os Bonobos da corte e Baquetinhá.

Recreação: você é pai ou mãe e levou seus filhos para o Psicodália? Que ótimo! Saiba que a recreação são atividades, coordenadas por um responsável maior de idade, para crianças. Tem várias brincadeiras para a meninada se divertir durante o festival.

Para quem vai pela primeira vez vou lhe deixar um passo a passo do que fazer quando chegar no festival:

– ao chegar passar na portaria e pegar sua pulseira. Ela deve ficar no seu pulso durante todo o festival.

– Com sua mochila e barraca escolha um camping.

– Monte sua barraca.

– E agora é só curtir o festival!!

Charlene Peruchi
escrito por:Charlene Peruchi

Uma sonhadora, que acredita num mundo melhor e nos seres humanos vivendo em harmonia com a Natureza. Amante da fotografia, do artesanato e de músicas incomuns, diz que não viveria por muito tempo sem a arte na sua vida. Vegetariana por amor ao próximo e praticante de Yoga por amor a si. Em resumo, é um ser complexo que gosta da vida simples.

Deixe uma resposta

Junte-se a nós! Receba inspirações para uma vida mais leve no seu email.

Siga-nos