AlimentacãoNosso DiárioReceitas

Aprenda a fazer queijo e leite de frutos secos

xx

Há algum tempo a Lara tem explorado o terreno dos pratos sem derivados de origem animal e isso tem desenvolvido nossa sensibilidade ao gerir os alimentos na cozinha de maneira mais sábia e assim acrescentando mais variedade e autonomia ao nosso dia-a-dia. Em alguns casos estas alternativas costumam ser mais baratas que os produtos tradicionais e em todos os casos são uma opção mais nutritiva e um ótimo substituto.

Neste post traremos boas dicas para vegetarianos tanto quanto para onívoros de todas as classes que gostem de uma decente, apresentável e saborosa refeição. Pode-se também preparar toda sorte de receitas com leites e queijos de origem vegetal, além de ser super fácil de fazer.

1- QUEIJO DE NOZES, CASTANHAS OU AMÊNDOAS

Preparo:

Deixe de molho em água filtrada, por uma noite, 2 xícaras de nozes ou sementes  de sua escolha (caju, amêndoas, castanha do Pará, etc).
No dia
seguinte lave e escorra bem.

Bata no liquidificador com um copo de água filtrada, até que vire um creme.
Coloque a pasta em um saquinho de pano.
Pendure o saquinho e deixe fermentar à temperatura ambiente entre 8 a 12 horas.
Transfira o queijo para uma tigela.

url1-1024x682

2-LEITE DE NOZES

Preparo: 

Um copo cheio de nozes com dois copos de água, batido e coado, dá de três a quatro copos de um leite surpreendentemente saboroso! Você pode utilizar a polpa na peneira para acrescentar no queijo.

3-LEITE DE GERGELIM 

Preparo: 

Um copo de sementes de gergelim dá quatro copos de leite. Deixe as sementes de molho por oito horas e bata com quatro copos de água. O resíduo do gergelim batido pode virar um delicioso “queijelim”. Acrescente azeite, sal, orégano e misture bem até atingir a consistência de corte.

Bem! As ideias estão todas aí para serem reinventadas.  Acredito que variações e misturas são bem vindas para quem confia no seu (bom) gosto.

 

Print Friendly
Jardim do Mundo
escrito por:Jardim do Mundo
Normal ou não, um clichê da sociedade contemporânea ou um casal unido por amor, afinidades e desafinidades, que transforma arte e ciências em pequenos projetos domésticos. Criar um jardim onde antes não se imaginava poder, provar de inúmeras receitas que são também oportunidades, utilizar e reutilizar ao máximo, aprender e aplicar princípios que projetam um estilo de vida mais simples e otimista, acreditando que podemos fazer algo de bom ou de belo enquanto fazemos algo para nós e não apenas para nós.

Deixe uma resposta

Junte-se a nós! Receba inspirações para uma vida mais leve no seu email.

Siga-nos

%d blogueiros gostam disto: