BikeViagem

Cicloentrevistas: Andarilho Cósmico

20141113_120026

Acreditamos que viagens podem ser tão inspiradoras como são revolucionárias, por isso o Jardim do Mundo fez uma série de entrevistas exclusivas, com pessoas que transformaram suas viagens em um estilo de vida que chama cada vez mais atenção. Viajar de Bicicleta!!!

 Para quem não acredita que é possível fazer tudo isso, essa série traz a resposta: É hora de você pensar no seu próximo destino com olhos diferentes. Viajar pelo caminho muito mais do que pelo destino.

Hoje conheça o Clayton com o projeto “Andarilho Cósmico

1) Quando e como você decidiu viajar de bicicleta?

Já estava no meio de uma viagem, depois de um período de estágio em um ecocentro e um tempo em retiro em um templo budista estava meio sem saber pra onde ou que rumo a viagem tomaria, um anfitrião me deu a idéia da Bike, na adolescência usava a Bike para quase tudo e já havia visto algumas poucas pessoas que faziam pequenas viagens assim mas nunca havia pensado em fazer algo do tipo mas pareceu ser uma boa idéia pois tinha todo o tempo e não estava muito capitalizado nesse momento seria uma forma sustentável e barata de viajar .

2) Como foi a preparação do equipamento?

A preparação posso dizer que foi mais interna do que preparação dos equipamentos, a primeira Bike que comprei paguei 80reais, ganhei uma câmera de ar reserva e uma bomba de pneu, comprei alguns remendos e usava uma caixa de feira para transportar minha bagagem, já tinha barraca e alguns equipamentos de Camping.

IMG_1526

3) Como foi o primeiro passo para essa vida? Onde foi?

O meu primeiro passo foi a idéia, a vontade e a ação para que isso acontecece, a insatisfação foi um grande catalisador. A primeira viagem com a Bike se iniciou em Olinda onde estava morando temporariamente na época

4) Por onde você já passou?

Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, MG, es, SP, RJ, PR, sc, Rs, Brasília, Goiás, Tocantins, Ceará, e Uruguai, sendo que alguns lugares peguei caronas e até ônibus em alguns trechos

5) Como é sua vida hoje?

Desde a primeira viajem já tive 3bikes essa atual é mais resistente e está melhor equipada. Hoje reveso entre períodos que passo na em minha cidade natal com minha família, períodos que passo viajando a novos lugares e geralmente escolho algum lugar para morar um tempo e conhecer mais profundamente a cultura do lugar e poder trabalhar

6) Como se mantém financeiramente na estrada?

Sou peão pra toda obra, faço bicos com manutenção de computadores, gosto de construção natural, e também comercializo documentários e filmes de conscientização, não vivo só de dinheiro também faço trocas e tem o capital social que acho q seja o mais importante.

7) Qual foram os maiores desafios da viagem? Desafio maior talvez seja vencer os medos interiores e incertezas da estrada, saber receber os nãos, o cansaço físico as vezes. Fui assaltado, me apontaram arma, quase fui atropelado mas estou intacto e essas experiências me fizeram crescer, é a vida nua e crua

8) Qual foram as melhores surpresas da viagem? Penso q cada momento é um surpresa nova, a cada curva vc é surpreendido com uma nova paisagem ou situação, além dos vínculos que se formam entre vc é as pessoas que conhece no caminho, e principalmente as oportunidades que aparecem que normalmente não acontecem quando se está na sua zona de conforto. O que me surpreende até hoje é o amor, generosidade e hospitalidade de algumas pessoas que te abrem a porta sem te conhecerem ou nada pedirem em troca, é só por existir essas pessoas que esse tipo viagem é possível.

9) Quais os conselhos você daria para quem quer viajar de bicicleta? Talvez não ter pressa seja um bom Conselho, é bom conhecer os limites do seu corpo e respeitar os ciclos da naturais , confiar na sincronocidade que te guia é um grande aliado e traz muitas surpresas, o medo que q a maioria tem de viajar é infundado e tem muita gente solidária e vc só vai atrair o que vc vibrar, e existem algumas redes de hospedagem solidária como couchsurfing, e warmshowers q é uma irmandade de ciclistas que se apoiam, entre outras ferramentas atuais que existem, cada um encontra a forma que mais convém. Bom espero que sirva de algo e que inspire outros viajantes que querem seguir esse caminho espero um dia cruzar com vcs, bons ventos e boa pedalada!

IMG_1589

Jardim do Mundo
escrito por:Jardim do Mundo
Normal ou não, um clichê da sociedade contemporânea ou um casal unido por amor, afinidades e desafinidades, que transforma arte e ciências em pequenos projetos domésticos. Criar um jardim onde antes não se imaginava poder, provar de inúmeras receitas que são também oportunidades, utilizar e reutilizar ao máximo, aprender e aplicar princípios que projetam um estilo de vida mais simples e otimista, acreditando que podemos fazer algo de bom ou de belo enquanto fazemos algo para nós e não apenas para nós.

Deixe uma resposta

Junte-se a nós! Receba inspirações para uma vida mais leve no seu email.

Siga-nos