Entretenimento

A fluidez na perspectiva de uma mulher que deixou a carreira para se dedicar a fotografia.

00

Velho ou jovem , nunca é tarde demais para mudar de rumo na vida e começar a perseguir seus sonhos em vez de apenas as suas obrigações. A fotógrafa Kylli Sparre é um exemplo perfeito disso – ela descobriu que queria ser uma fotógrafa só depois de concluir a escola de balé profissional.

“Quando os estudos tomaram conta da minha vida, eu percebi que este não era o caminho para mim, então  fui à procura de uma saída para a minha criatividade. [ Alguns ] anos atrás eu me encontrei na fotografia e nunca mais olhei para trás ” , escreve a artista em seu site . A influência de sua experiência com ballet profissional é clara em seu trabalho de fotografia – os modelos em seus quadros surrealistas e oníricos estão cheios de graça , equilíbrio, elegância e beleza.

O portfólio  de Sparre está disponíveis em seu site e em Edições Qlick . Ela também compartilha seu trabalho com os fãs no Facebook.

Confira o ponto de vista de seu trabalho profissional logo abaixo:

 

“I am mostly interested in showing emotions and relationships, also solitude and its many forms.”

Print Friendly
Jardim do Mundo
escrito por:Jardim do Mundo
Normal ou não, um clichê da sociedade contemporânea ou um casal unido por amor, afinidades e desafinidades, que transforma arte e ciências em pequenos projetos domésticos. Criar um jardim onde antes não se imaginava poder, provar de inúmeras receitas que são também oportunidades, utilizar e reutilizar ao máximo, aprender e aplicar princípios que projetam um estilo de vida mais simples e otimista, acreditando que podemos fazer algo de bom ou de belo enquanto fazemos algo para nós e não apenas para nós.

4 Comentários

Deixe uma resposta

Junte-se a nós! Receba inspirações para uma vida mais leve no seu email.

Siga-nos

%d blogueiros gostam disto: