Vida Natural

5 Ervas que tem o poder de alterar a consciência e os sonhos

As plantas são uma parte essencial para a vida do nosso planeta. Além da sua função de purificar o ar, servir de abrigo e alimento para animais e pássaros, elas têm grande poder medicinal. Tanto que muitas tribos de índios e algumas pessoas que tem conhecimento sobre elas, as utilizam para curar dor de cabeça, inflamações, gripe, entre outras doenças. Mas também há ervas que possuem o poder de alterar a consciência e podem auxiliar no tratamento de outras questões em âmbito espiritual.

Na maior parte do tempo, é comum que as pessoas funcionem no automático. Isso ocorre quando se está fazendo uma atividade e a mente está em outro lugar. Na verdade, não é assim que é para ser, mas é assim que acontece, infelizmente. Porém, quando mente e corpo estão presente em um mesmo lugar, temos algo sendo feito de forma consciente.

As plantas que falaremos a seguir não só tem o poder de unir mente e corpo, mas de nos mostrar partes da nossa consciência que não conhecíamos. É uma viagem pela nossa mente e pelos traumas e alegrias que já vivenciamos e estamos vivendo. Lembrando que todas as plantas que citaremos são legais.

1. Artemísia

Esta planta é utilizada para tratamentos de problemas digestivos ou parasitários. Mas também é conhecida como sendo uma erva do sonho. Isso porque ela pode estimular sonhos lúcidos e que estão carregados de significados. Durante o sonho ela traz traumas, medos, alegrias, entre outras coisas que estão no subconsciente e evidencia nos sonhos.

Para isso, é preciso consumir a erva, que pode ser queimada como incenso, fumada ou bebida como chá.

artemísia

2. Celastrus Paniculatus

As sementes dessa plantas são muito utilizadas na Ayurveda para auxiliar a memória, o foco mental e a longevidade. Pessoas que a utilizaram de forma diária, consumindo de 10 a 15 sementes por dia, relataram que houve uma melhora na função cognitiva, nitidez e capacidade de se concentrar. Mas ela também é conhecida por promover sonhos lúcidos.

Celastrus Paniculatus

Leia mais: Faça você mesmo: travesseiro de ervas

3. Ayahuasca

Este é um chá preparado com duas plantas da amazônia: cipó mariri e as folhas da chacrona. Ele é da cultura indígena da região da floresta amazônica e é utilizado em rituais xamânicos. Após tomar o chá, as pessoas começam a ter sua consciência expandida e podem acessar sentimentos e lugares pouco conhecidos em sua própria mente. Seu efeito pode durar de 2 a 4 horas, e não se aconselha dormir enquanto está sob efeito para que ele ele seja aproveitado com mais intensidade.

Estudos e experiências mostram que traumas, vícios e doenças como a depressão podem ser curados com o uso do chá. No Brasil, há vários grupos que realizam o ritual com a ayahuasca.

Ayahuasca

4. Silene Capensis

Esta planta, conhecida também por Xhosa, por ser associada ao povo de mesmo nome que mora na África do Sul, também tem o poder de criar sonhos lúcidos. Esse povo costuma colher suas raízes, moer até virar pó e tomar com água pela manhã em jejum. Porém, seu efeito só se dá à noite durante o sono.

Este povo a utiliza para rituais de iniciação de xamãs e a crença é que ela abre caminhos para se comunicar com os ancestrais.

Silene Capensis

5. Feijão africano

Essa espécie de feijão pode ser encontrada na África do Sul, Cosa de Madagascar, Ásia e Austrália. Suas vagens e sementes são bem grandes e tem vários usos, como tratamento de pele e para aliviar a dor dos bebês quando os dentes estão nascendo.

Porém, seu uso mais conhecido é provindo da África do Sul, onde ele é utilizado para induzir estados de sonhos lúcidos. Assim, pode-se comunicar com a espiritualidade.

Feijão africano

É preciso ressaltar que toda vez em que for utilizar uma planta, seja para alteração de consciência ou para o tratamento de doenças, é preciso tratá-las com respeito e ser consciente quanto ao seu uso. Caso queira passar por alguma experiência de alteração de consciência, faça com alguém que tem o conhecimento necessário para te auxiliar, caso precise, enquanto você está com a mente em estado alterado.

Caso você goste de ervas medicinais e queira saber como secá-las para que durante todo o ano possa tê-las em casa, confira nosso post sobre como colher e secar ervas.

Charlene Peruchi
escrito por:Charlene Peruchi
Uma sonhadora, que acredita num mundo melhor e nos seres humanos vivendo em harmonia com a Natureza. Amante da fotografia, do artesanato e de músicas incomuns, diz que não viveria por muito tempo sem a arte na sua vida. Vegetariana por amor ao próximo e praticante de Yoga por amor a si. Em resumo, é um ser complexo que gosta da vida simples.

6 Comentários

  • Nesse post não deveria ser incluída a ayuhasca, pois além de ser uma planta sagrada, não pode ser usada fora do ritual do Santo Daime. É uma planta muito poderosa. Não deveria ser divulgada como uma planta qualquer…

    • Olá, por isso que no final do texto dediquei um parágrafo para dizer que toda planta deve ser utilizada com respeito e com alguém que tenha experiência no uso para auxiliar durante o estado de alteração da consciência.

  • Quem disse que a ayuhasca não pode ser usada fora do ritual do Santo Daime? Nativos de vários lugares nem conhecem o Santo Daime, mas conhecem a ayuhasca há milenios. Terapêutas, vários, usam a bebida para tratamentos vários. Pesquise.

    • Olá Rosa. De forma legal, como indica no post, o uso da ayahuasca foi liberado apenas em rituais. Porém, no texto, em nenhum momento citei o Santo Daime, pois existem outras linhas espirituais que também fazem uso do chá. Eu entendo que o chá pode ser usado por outras pessoas sem ser em rituais e pesquisei muito sobre o chá, a forma de fazê-lo, seus efeitos e a forma legal de uso.

  • Adorei, parabéns pela paciência e pela ajuda em divulgar coisas úteis a quem necessita. Me ajudou muito e expandiu minha visão no que eu busco. Obrigado e continue o bom trabalho.

    Att. Michael. R

Deixe uma resposta

Junte-se a nós! Receba inspirações para uma vida mais leve no seu email.