Está começando a plantar? Então, aposte em espécies de fácil cultivo e colha seus benefícios em poucos dias.

  1. Rabanete

Exige poucos cuidados e pode ser colhido entre 25 a 32 dias. Apesar de não ser muito popular no Brasil, os rabanetes são fontes de antioxidantes, eletrólitos, minerais, vitaminas e fibras.

  1. Cebolinha

Outro vegetal que cresce facilmente e que, dependendo das condições de cultivo, pode ser colhida entre 75 e 120 dias após o plantio.

  1. Alface

Simples de cultivar, a colheita no verão pode ocorrer entre 60 a 70 dias

  1. Cenoura

Entre 60 a 120 dias, dependendo do tipo de cenoura. Para tê-las sempre fresquinhas, plante a cada duas ou três semanas.

  1. Espinafre

A partir de 40 a 120 dias após o plantio já é possível colher, se a planta já tiver pelo menos seis folhas.

  1. Couve

Cerca de 50 dias após o plantio de mudas e de 90 dias depois da semeadura você já poderá fazer aquele suco verde.

  1. Ervilha

Entre 65 a 85 dias a sua ervilha já estará disponível para fazer uma sopa quentinha.

  1. Nabo

Rico em benefícios para a saúde, o nabo pode colhido entre 40 a 80 dias após a semeadura.

  1. Pepino

Acredita que em um mês você já pode fazer uma salada com os pepinos cultivados por você? Pois é verdade, a colheita se inicia entre 30 a 70 dias.

  1. Abóbora

Seu almoço com abóbora plantada por você poderá ser preparado entre 85 a 150 dias depois do plantio, que é quando ela estará pronta para ser colhida.

Jardim do Mundo
escrito por:Jardim do Mundo
Normal ou não, um clichê da sociedade contemporânea ou um casal unido por amor, afinidades e desafinidades, que transforma arte e ciências em pequenos projetos domésticos. Criar um jardim onde antes não se imaginava poder, provar de inúmeras receitas que são também oportunidades, utilizar e reutilizar ao máximo, aprender e aplicar princípios que projetam um estilo de vida mais simples e otimista, acreditando que podemos fazer algo de bom ou de belo enquanto fazemos algo para nós e não apenas para nós.

1 Comentário

  • Muito bom!
    Fui criada na zona rural, mas na época não tinha fácil acesso aos meios de comunicação e vivia do conhecimento passado de geração em geração, por isso admiro quem ensina, especialmente, pelos métodos de ensino à distância.
    Parabéns!
    Beatriz.

Deixe uma resposta

Junte-se a nós! Receba inspirações para uma vida mais leve no seu email.

Siga-nos